segunda-feira, 22 de agosto de 2011

7.




T.J.


Eu não sou eu nem sou o outro,

Sou qualquer coisa de intermédio:

Pilar da ponte de tédio

Que vai de mim para o Outro.



Mário de Sá Carneiro in "Indícios de Oiro"


sexta-feira, 19 de agosto de 2011

FÉRIAS...VACANCES...HOLIDAYS...



T.J.


Finalmente alguns poucos dias de merecidas férias!!!

domingo, 7 de agosto de 2011

O PASSADO É O PRESENTE NA LEMBRANÇA



T.J.


Se recordo quem fui, outrem me vejo,

E o passado é o presente na lembrança.

Quem fui é alguem que amo

Porem somente em sonho.

E a saudade que me aflige a mente

Não é de mim nem do passado visto,

sendo de quem habito

Por trás dos olhos cegos.

Nada, senão o instante, me conhece.

Minha mesma lembrança é nada, e sinto

Que quem sou e quem fui

são sonhos diferentes.


Ricardo Reis in "Odes"

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

SOMETIMES...

POR VEZES



T.J.

E por vezes as noites duram meses
E por vezes os meses oceanos
E por vezes os braços que apertamos
nunca mais são os mesmos. E por vezes

encontramos de nós em poucos meses
o que a noite nos fez em muitos anos
E por vezes fingimos que lembramos
E por vezes lembramos que por vezes

ao tomarmos o gosto aos oceanos
só o sarro das noites não dos meses
lá no fundo dos copos encontramos

E por vezes sorrimos ou choramos
E por vezes ah por vezes
num segundo se evolam tantos anos.

David Mourão Ferreira.